Perna de Pato em cama de Rúcula, com Chutney de Mirtilo!

 


















Ola bom dia! Hoje é o primeiro dia do Verão. E eu quero marca-lo aqui, no blog. Com um prato bem saboroso e quente (picante)
Lembram-se co Chutney de Mirtilo? Foi a companhia para estas deliciosas pernas de pato assadas com batata doce em cama de rúcula. 
Um prato leve, com um bom equilíbrio nutricional. E bem simples de fazer. 
Ao mesmo tempo uma refeição com requinte. No jardim de preferência, afinal já e Verão...
Para receber visitas num jantar, por exemplo. Tenho a certeza que irá impressionar as visitas. E com pouco trabalho de cozinha na hora de visita. 
Para poder desfrutar da companhia dos convidados... Mas isto é só um exemplo claro. Para a família... Ou mesmo só para mim, porque não?  Porque se gosto de cozinhar para os outros, gosto muito mais de fazer só para mim 💝
Mas não deixem de o fazer, vale a pena. 
E com estas deliciosa pernas de pato, deixo mais uma participação no "ingredientedomes
Espero que vos faça sentir inspiração, para se juntarem a mim e a querida Marta Dionísio do Intrusa na Cozinha 
Nós íamos ficar muito felizes com a vossa companhia.
















Ingredientes 
1 perna de pato por pessoa
batata doce
Rúcula
Mirtilos frescos
Chutney de mirtilo

Ingredientes para marinada
Azeite
Vinho branco
alho em pó
Ervas aromáticas secas e frescas a gosto
Sal 
Pimentão doce
1 malagueta

Preparação
De uns golpes nas  pernas de pato e coloque-as em tempero, umas duas horas antes. Junte as batatas uma hora depois, no mesmo tempero.
Coloque tudo numa assadeira assim como a marinada e leve assar, a 200ºC durante 1 hora, uma hora e pouco. Bem ate as pernas e batatas estarem assados e douradinhos a gosto.
Numa travessa coloque a rúcula no fundo alguns mirtilos frescos as pernas de pato em cima da rúcula e a batata. 
E acompanhe com uma dose, bem  generosa de chutney. 
Receita de Chutney aqui→ Chutney de Mirtilo.

































Chutney de Mirtilos




Chutney adoro, este tipo de acompanhamento e são tão fáceis de fazer. 
Hoje trado um de mirtilo claro para a rubrica #oingredientedomes que é o Mirtilo. 
Que não vai durar muito tempo pois estamos em época de churrascos, refeições a base de tapas e este chutney vai desaparecer num ápice. Numa sandes também combina maravilhosamente bem. Já estou aqui a pensar numa sandes onde o vou incluir, junto a vegetais da época de preferência. Tenho a certeza que consigo fazer aqui uma bela combinação numa sandes. 
Este de mirtilo fica muito bom e com uma cor linda forte com atitude. 



Ingredientes
1 fio de azeite
1 cebola roxa média
1 raminho de tomilho
2 colheres de sopa de vinagre branco
150 gr de açúcar  amarelo
200gr  de mirtilos
100gr/ml de água
1 malagueta
Sal


Preparação Tradicional 
Colocar o azeite numa sertã com a cebola picada e malagueta bem miudinho em lume brando. Ate a cebola ficar macia e caramelizar um pouco, junte o tomilho. 
Tenha o cuidado de ir mexendo para não queimar a cebola, junte o vinagre, açúcar, mexendo sempre em lume medio. Por fim os mirtilos, sempre com o cuidado de mexer. Por fim a agua e o sal, deixe cozinhar por 15 a 20 minutos.
Ate os mirtilos rebentarem e ficarem bem macios tipo uma compota.
Guarde num frasco esterilizado e esta pronto a usar.
Em tostas, sandes, vai muito bem com queijos, em  acompanhamento pratos de carnes ou peixe.  

Preparação Robot de Cozinha

Coloque a cebola com a malagueta no copo, triture 10 seg/vel4. Junte o azeite e cozinhe a 100ºC/5 mint. junte todos os restantes ingrediente cozinhe cerca de 20 mint/ vel.2. Guarde num frasco esterilizado e esta pronto a usar.
Em tostas, sandes, vai muito bem com queijos, em  acompanhamento pratos de carnes ou peixe.  

Este fiz já a pensar num prato de carne, (aves) mais exatamente.  que muito em breve deixo aqui também.
Mas por hoje fica apenas o Chutney de Mirtilo.
Espero que gostem! 














Queijo Camembert com doce de Mirtilo.

 Adoro este tipo de comidinha, que serve como entrada, como um lanchinho ou até mesmo como uma pequena seia. Tão bom...

Acho que já testei o camembert com todo tipo  doce de frutas.
 E vai bem com todas! E claro que não podia deixar de testar com os mirtilos também. Aprovada.  E depois olhem só esta cor do mirtilo no queijinho. Super apelativo não acham?
A companhia perfeita para um copo de sangria por exemplo  ou um bom copo de vinho. Deixo isso ao gosto de cada um. Eu fico-me pela sangria. 
Gosto.



Ingredientes
200gr de mirtilos frescos ou congelados
1 pau de canela
3 a 4 colher de sopa de açúcar amarelo
2 colheres de sopa de vinho do porto
Raspa e sumo de meio limão.
Mel q/b

Preparação Tradicional
Comece por levar queijo ao forno com um corte em crz por cima a 180ºC /20 minutos.
Coloque todos os ingredientes num tacho e leve a lume brando, ate mirtilos cozinhar e o liquido evaporar, mais ao menos 20 minutos.

Retire o queijo do forno coloque num prato de servir, abra para os lados a capa do queijo. Onde fez o corte em cruz.  Regue com um generoso fio de mel.
Coloque o doce por cima, umas amêndoas torradas e laminadas.
E sirva com tostas.

Preparação robot de cozinha
Comece por levar queijo ao forno com um corte em crz por cima a 180ºC /20 minutos.
Colocar todos os ingredientes dentro do copo, programar 100ºC/vel 1/20 minutos.

Retire o queijo do forno coloque num prato de servir, abra para os lados a capa do queijo. Onde fez o corte em cruz. Regue com um generoso fio de mel.
Coloque o doce por cima, umas amêndoas torradas e laminadas.
E sirva com tostas.



E assim deixo mais uma sugestão para degustar estas pequenas e deliciosas bagas. 
Mirtilo.










Sangria de Mirtilos & Tomilho fresco!





Os dias vão quentes! Bem as vezes arrefece... Está estranho este verão. Mas é o que temos e nada, mesmo nada podemos fazer... A não ser aproveitar da melhor maneira que nos for possível. E então para ajudar a disfrutar deste tempo de difícil humor trago uma deliciosa e refrescante Sangria com mirtilos. 
Para um fim de tarde descontraído, véspera de feriado....
Parece-vos bem? A mim sim!
E assim deixo aqui mais uma receitinha para o desafio do #infredientedomes o #mirtilo.
E é tão fácil de fazer.
Acompanham -me?






Ingrediente
1 garrafa de vinho  lambrusco branco.
2 paus de canela
1 laranja as rodelas 
Sumo de 1 laranja
Mirtilos q/b
1 cálice de licor de Mirtilo
Gelo q/b

Preparação 
Colocar o suma da laranja  a laranja as rodelas e alguns mirtilos partidos a meio na caneca.
Juntar os paus de canela, o tomilho e o licor um pouco de lambrusco e deixar algum tempo a macerar a fruta. Na hora de servir acrescentar o resto do vinho gelo (bastante) e mais tomilho.
 E sirva e delicie-se junto.

Notas: Pode juntar 7up se o desejar. Esta não tem. 
O lambrusco é um vinho levezinho, frutado e muito aromático. 
Assim fica perfeito 💜💜











Nesta receita contei com o apoio e qualidade de Aromáticas Vivas



Pavlova com Mirtilos!



 Pavlova... Pavlova...e Pavlova...

Uma sobremesa que fica sempre bem em qualquer mesa! Sempre que tenho claras a mais a primeira coisa, que me vem a ideia para fazer com elas é: Pavlova.
Acho esta sobremesa de uma elegância enorme.   Encaixa no jantar mais elegante até ao convívio de amigos. E tão versátil pois dá para combinar com todos os sabores que nos possam passar pela cabeça. Então com fruta, naõ tem uma que não fique bem numa pavlova. 
Adoro pavlova. E com os mirtilos não podia faltar aqui, nesta rubrica maravilhosa de #ingredientedomes.
Espero que gostem, da ideia porque receita de novo nada trás. Apenas uma combinação de mirtilo com pavlova. Receita que toda a gente conhece... De uma simplicidade. É só mesmo ir alternando com outros sabores e frutas. Perfeito nunca se enjoa. Eu não! 
E foi Assim com Pavlova que eu quis começar o mês do mirtilo. Este super fruto, pequenino mas grandioso na nossa saúde. 




Ingredientes
5 claras
1 pitada de flor de sal
220grde açúcar
1 colher de chá de vinagre branco
2 colheres de chá de amido de milho

Preparação Método tradicional
Comece por aquecer o forno a 140Cº
Comece por pesar o açúcar e reserve o açúcar deve estar em pó (processo feito com ajuda de um robot de cozinha)
Bata as claras em castelo com pitada de flor de sal e vá juntando aos poucos o açúcar, o amido de milho e o vinagre  até claras estarem bem firmes. Virar a taça ao contrario e elas não caírem.
Coloque o merengue no tabuleiro do forno sobre papel vegetal em forma de um circulo, com as laterais ligeiramente mais altas que o centro, baixe a temperatura para 110ºC e deixe cozer por 1 hora e 10 minutos. Mas poderá confirmar se a Pavlova esta cozida, ela tem que apresentar pequenas rachadelas no final da cozedura. Deixe estar por mais 15 a 20 minutos dentro do forno já desligado.
Retire e deixe arrefecer por completo.

Preparação Robot de Cozinha
Ligue o forno a 140ºC.
de seguida pese o açúcar e polvorize alguns segundos , retite e reserve.
Limpe muito bem o copo, para não ter qualquer tipo de gordura, importante para as claras subirem.
Coloque as claras no copo da bimby e pitada de flor de sal, com a borboleta em vel.3,5 e vá juntando o açúcar, o amido de milho e vinagre  bater durante 5 a 6 minutos até as claras ficarem bem firmes.
Coloque o merengue no tabuleiro do forno sobre papel vegetal em forma de um circulo, com as laterais ligeiramente mais altas que o centro, baixe a temperatura para 110ºC e deixe cozer por 1 hora e 10 minutos. Mas poderá confirmar se a Pavlova esta cozida, ela tem que apresentar pequenas rachadelas no final da cozedura. Deixe estar por mais 15 a 20 minutos dentro do forno já desligado.
Retire e deixe arrefecer por completo.

Cobertura
Mirtilos q/b
Iogurte grego natural 

Na hora e servir coloque a pavlova num prato com muito cuidado, elas são sempre tão frágeis...
Coloque o iogurte natural no centro dela.
Triture uma mão cheia de mirtilos para fazer uma espécie de puré. Para regar, salpicar em abundancia o iogurte. e Mais mirtilos inteiros partidos a meio mas frescos ao natural. 
Não usei açúcar no puré de mirtilo nem no iogurte. A pavlova, na minha opinião  já é doce o suficiente para manter o equilíbrio da sobremesa.





#ingredientedomes






E assim foi o Mês de Maio!


E hoje trago o desfile que foi o mês de Mais com as Leguminosas.
Foi um mês cheio de sabor.  É muito bom saber que tem meninas como nós, que gostam destes desafios. 
Procurar receitas com determinado ingrediente, fazer aquele prato de eleição com aquele ingrediente. 
É muito gratificante receber essas partilhas. 💗💗
Muito obrigada a todas as participantes. Eu e a Martinha estamos de coração cheio.💗
Vamos então  começar, o nosso lindo desfile.💗 Referente ao mês de Maio, com as leguminosas.



👇 👇

 👇 👇

👇 👇

👇 👇