terça-feira, 24 de abril de 2018

Dacquoise de Avelã, Baunilha & Chocolate negro com Praliné de Avelã!






 Dacquoise... A minha Daquoise um pouco tosca é verdade de elegante tem pouco. Mas que ficou muito bom ficou. Optei por este formato para fazer 3 camadas assim deu para fazer as 3 placas de uma só vez visto que demora um pouco em termos de forno e o tempo por aqui não era muito confesso.
Mas não podia deixar de participar na 27ª edição do Sweet World Challenge. das lindas meninas Susana Ferreira Do Blog Basta Cheio. E Lia Teixeira Lemon &Vanilla 
Onde todos os meses temos um desafio no qual comecei a participar a pouco mas gosto muito.
Deixo aqui um pouco da historia deste doce texto retirado do blog Basta Cheio
Nasceu então em França, na antiga cidade de Dax, localizada na zona sudoeste e conhecida pelas suas estâncias termais e pelo famoso brandy Armañac, daí o seu nome significar “oriundo de Dax”. Conta a história que no século XV, os chefs da cidade criaram uma nova versão de merengue, que rapidamente se transformou e deu origem a uma sobremesa, sendo hoje uma das jóias da fina pastelaria francesa.
As variantes do doce são algumas e tem direito a denominações específicas e tudo, sendo que a mais conhecida é a Marjolaine, criada pelo chef francês Fernand Point.
Costuma ser servido frio e por vezes acompanhado de fruta fresca.
É um doce com uma apresentação muito bonita para ir a mesa e de excelente sabor e texturas diferentes.
Pronto ok de apresentação meu não ficou nada de especial nem  apelativo mas o sabor estava lá todo.
Um passeio numa aldeia histórica do campo  caminhar pelo meio da natureza desfrutar dos cheiros, sons e sua beleza  é onde me leva os sabores que tiro desta maravilhosa Dacquoise com sua diferentes camadas e texturas.







Ingredientes: Merengue
200 gr de avelã sem pele, moída
200 gr de açúcar (superfino)
25 gr de amido de milho
6 claras de ovo
1 pitada de sal​

Ingredientes: Creme de baunilha 
4 gemas
50 gr de amido de milho
125 gr de açúcar (usei mascavado)
600 ml de leite 
1 vagem de baunilha

Ingredientes: ​Ganache de Chocolate
150 gr de chocolate negro (70% de cacau)
125 gr de natas ​

Ingredientes: Praliné de avelã
70 gr de avelã tostada e sem pele
120 gr de açúcar

Preparação creme baunilha robot de cozinha (bimby)
Abrir a vagem de baunilha e raspar o seu interior para dentro copo da bimby colocae os restantes ingredientes dentro e programar 12 minut/90ºC/ vel 2,5.Levar ao frio para ficar bem preso, reservar.

Preparação do merengue Robot de cozinha Bimby
Pré aqueça o forno a 180ºC 
Triture as avelãs até obter uma farinha e leve ao forno a torrar alguns minutos, retire do forno e polvilhe com 100 gr de açúcar e o amido de milho envolva bem e volte a colocar no forno mais alguns minutos retire e reserve (arrefecer)  
Coloque  as claras com o sal no copo da bimby com borboleta e bater  em castelo bem firme. Ir acrescentando o restante açúcar aos poucos até obter um merengue espesso. E por fim com ajuda de  uma espátula envolver delicadamente a mistura da avelã no merengue até incorporar bem.
Disponha uma folha de papel vegetal num tabuleiro de forno desenhe 3 rectângulos todos da mesma medida vire o papel vegetal ao contrario para merengue não ficar em contacto com tinta do desenho. E com ajuda de saco de pasteleiro preencha esses rectângulos assim ficarão todos com mesma medida. Baixe a temperatura do forno para 150ºC e leve la os meregues a coser 40 a 50 minutos até ficarem douradinhos. Deixe arrefecer no forno com a porta entreaberta.

Preparação de Ganache de chocolate Robot de Cozinha Bimby
Coloque o chocolate no copo da Bimby e de uns toques de turbo junte as natas e programe 7minut/ 60ºC/vel. 1. Reserve.

Preparação creme de baunilha Método tradicional
Bater as gemas com açúcar e o amido até dobrar o volume entretanto coloque um tacho ao lume com a vagem de baunilha até ferver passar com um coador o leite em fio sobre o creme batido sempre a mexer levar novamente ao lume desta vez bem brando até engrossar sem parar de mexer retirar e levar ao frio a arrefecer. Tem que ficar bem fresco. 
Reservar.

Preparação da ganache de chocolate Método tradicional 
Levar as natas a aquecer quase até ferver e verter sobre o chocolate previamente partido em pedaços pequenos. Deixar repousar 1 minutos e mexer bem até estar perfeitamente uniforme. Reservar também no frio até usar.

E por fim o Praline  levar o açúcar ao lume num tachinho até formar caramelo. Distribuir as avelãs picadas grosseiramente sobre uma folha de papel vegetal e verter o caramelo por cima. Deixar arrefecer completamente e picar grosseiramente.


Montagem: Eu montei minha dacquoise assim: Colocar um rectangulo de merengue no prato de servir, espalhar o creme de baunilha na base de merengue mas sem chegar as pontas, pontas essas que preenchi com ganache ( Seja a ganache segurou o creme dentro.
Repeti o processe na base seguinte.
E por fim no topo da dacquoise, ganache de chocolate e o praliné .
Levar ao frio até hora de servir.

Notas: Segui quase a risca a receita troquei a forma por uma questão de tempos e troquei fava Tonka pela baunilha( difícil de arranjar)





Bom Apetite! 

2 comentários:

  1. Olá Elsa,

    Antes demais muito Obrigada pela participação.
    Esta Dacquoise bem particular ficou linda e super apetecível. Não concordo nada que esteja tosca, o próprio merengue faz esse efeito, e parece-me bem elegante. :)
    De sabor não duvido que tenha ficado perfeita.
    Espero que tenha agradado.
    Obrigada pela companhia no desafio.

    Bjinhos
    Susana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho Susana!
      Foi um prazer participar no desafio.
      E de sabor ficou maravilhosa sim, para repetir sem duvida alguma.
      Obrigada beijinho.

      Eliminar